sexta-feira, 21 de março de 2014

Haikai 3

A chuva cansada
como se nada soubesse
entrega-se ao solo

Nenhum comentário:

Postar um comentário