quinta-feira, 26 de junho de 2014

Não mais eu

Descubro fotos antigas
Veja que sorrisos!
Mas a menina
Não está mais aqui

Poemas de outrora
Tão inspiradores!
Mas a poetisa
Desaprendeu a escrever

Hoje ela segue pelos cantos
Já não canta como ontem
Como antes já não dança
Densa e apagada caminha

Becos da alma
Segue seu rumo
Escreve seu nome
Signo errante

Nenhum comentário:

Postar um comentário