segunda-feira, 7 de julho de 2014

Limbo

Tristeza é poesia
Um trem que passa

Liga um nada a outro
Mas a viagem encanta

Palavras faltam
Mas há poesia

Falta alegria
Na viagem da vida

A arte está no trem
Que vaga cansado

Pelo limbo da vida
Lendo tristes poesias

Nenhum comentário:

Postar um comentário